Como planejar e começar uma loja virtual

O que é necessário para montar uma loja virtual de sucesso?

O mercado de e-commerce está mudando, o cenário não é mais o mesmo que o de meses ou anos atrás.

A entrada de milhares de lojas virtuais no mercado, tornaram o cenário diferente de antes. Espero que eu possa ajudar os lojistas ou interessados em ter uma loja virtual a ter uma visão mais apurada da situação atual e como agir para ter bons resultados. Alguns itens continuam a ser os mesmos de antes para obter o sucesso, mas cada vez a exigência dos consumidores é maior e portanto é necessário reforçar a atenção a estes itens.

Infelizmente muitos de nossos concorrentes divulgam que abrir uma loja é fácil, é rápido e que é uma mina de ouro. Mas a verdade não é bem essa, sempre afirmamos que ter uma loja virtual, realmente é fácil, mas conseguir o sucesso da mesma, depende muito do planejamento, dedicação e da qualidade da loja virtual, e para conseguir somar tudo isso, não é nada fácil.

Irei separar em 3 tópicos principais: PLANEJAMENTO, QUALIDADE DA LOJA VIRTUAL, DIVULGAÇÃO.

"A maioria das pessoas não planeja fracassar, fracassa por não planejar.” (John L. Beckley)

PLANEJAR A LOJA VIRTUAL

O lojista ou interessado em ter uma loja virtual, deve antes de mais nada executar um planejamento a médio e longo prazo. Isto incluí planejar gastos, investimentos, e não esperar resultados imediatos como essência para continuidade do negócio.
O mercado está muito mais concorrido, conquistar um espaço neste mercado exige tempo e muita dedicação. Lembro que nenhuma loja virtual anda com suas próprias pernas, principalmente no começo. É necessário dedicar tempo todo dia, para obter sucesso.
O que tudo envolve o planejamento:

1.1 - PESQUISA DE MERCADO: uma pesquisa de mercado completa, analisando aspectos como: preço, concorrentes, prazo de entrega, marcas, formas de pagamento. Recomendamos uma análise SWOT (pesquise no Google), para você estabelecer uma análise de mercado. O modelo de matriz SWOT é muito eficaz para negócios dinâmicos como lojas virtuais. Esse modelo de análise de mercado lhe ajuda a identificar se é um mercado viável, quais as dificuldades que você poderá encontrar e também a identificar as oportunidades.

DICAS:
1.1.1 - Procure por pontos fracos dos concorrentes e seus pontos fortes. Melhore seus pontos fracos.
1.1.2 - Refaça a analise SWOT pelo menos 1 vez por ano.
1.1.3 - Aposte em nichos de mercados, evite vender de tudo, se especialize em nichos ou segmentos.

1.2 - PLANEJAMENTO FINANCEIRO: leve em consideração todos os custos envolvidos, custos iniciais como customização de layout, banners. Leve em consideração custos fixos mensais como aluguel de loja, divulgação, custo de estoque, fretes. Importantíssimo, faça um planejmanento de pelo menos 12 meses, ou seja, calcule os custos iniciais mais 12 meses de custos fixos, e tenha esse capital reservado. Um bom planejamento bem elaborado garantirá muita economia e ganho de tempo.

DICAS:
1.2.1 - Você deve ter um capital para manter a loja por pelo menos 12 meses. Contando, mensalidades mais divulgação.
1.2.2 - Lembre-se que além das mensalidades das lojas, você precisa ter capital para investir em divulgação
1.2.3 - Não espere ter grandes vendas nos 3 primeiros meses. Não conte com lucros antes de 06 meses.
1.2.4 - Ao montar o planejamento seja realista e as vezes até pessimista.

1.3 - ENVOLVIMENTO: Destine uma parte de seu tempo todo dia para a loja virtual. Se a loja virtual não é sua ocupação exclusiva, o que não é incomum, destine pelo menos 1 hora e meia diária para elaborar um bom planejamento e trabalhar na divulgação e cadastramento de informações na loja. Depois que a loja estiver vendendo, você terá que disponibilizar ainda mais tempo, para continuar divulgando e ainda atender os pedidos e clientes. A loja virtual por mais moderna que seja, não funciona sozinha. Você precisa dedicar seu tempo a ela. Quanto mais se dedicar, quanto melhor fazer o trabalho melhor será o resultado. Muitos se enganam ao achar que irão abrir uma loja virtual e ficarão ricos do dia para a noite sem precisar trabalhar muito. Uma loja virtual gera trabalho no inicio e também quando é um sucesso.

DICAS:
1.3.1 - Atender com agilidade e eficiência é essencial.
1.3.2 - No começo da loja é comum passar horas divulgando sua loja em sites de redes sociais, principalmente porque você não gasta.

QUALIDADE DA LOJA VIRTUAL:

Uma loja virtual com qualidade possui vários aspectos essenciais: APARÊNCIA, ORGANIZAÇÃO, INFORMAÇÕES DETALHADAS DOS PRODUTOS.

2.1 - APARÊNCIA: as principais características que uma loja virtual deve possuir em relação a aparência são: facilidade na navegação e processo de compra, clareza das informações e confiabilidade. As cores da loja importam muito, mas podem variar de acordo com a identidade visual da empresa e mesmo assim manter uma aparência agradável. Isso só depende da combinação correta de tons e habilidades do designer. É importantíssimo tornar a loja única. Ter uma aparência exclusiva. É totalmente desaconselhável montar uma loja imitação de outra. Isso não transmite confiança ao consumidor e também não fortalece sua presença na internet.

DICAS:
2.1.1 - Invista em customização do layout de sua loja.
2.1.2 - Coloque banners animados em flash, com destaque para ofertas, e troque pelo menos 2 vezes ao mês as ofertas
2.1.3 - Atualize a loja, alterando os produtos da vitrine principal pelo menos a cada 5 dias. Lojas sempre iguais não são atraentes para consumidores.

2.2 - ORGANIZAÇÃO:

Uma loja organizada representa facilidade para o consumidor. Facilidade para encontrar o produto ou a função que ele procura. Que tenha padrão no cadastro dos produtos, fotos seguindo um padrão. Que explique claramente os procedimentos para compra, troca e devolução. Que tenha explícito como funciona a garantia dos produtos. A loja deve possuir sempre visível e de forma clara os dados da empresa, como telefone, email, endereço, razão social e CNPJ.

DICAS:
2.2.1 - O lojista deve evitar ao máximo expor na vitrine principal produtos que ele não possui em estoque.
2.2.2 - Crie um padrão para todas as suas fotos de produtos (um tamanho padrão)
2.2.3 - Informe na página inicial telefones de contato e horário de atendimento

2.3 - INFORMAÇÕES DOS PRODUTOS:

Acredito que este é o tópico mais simples mas mais trabalhoso. Colocar sempre a descrição detalhada do produto, com as principais características. Caso a descrição do produto seja muita extensa e muito complexa, coloque apenas as informações essenciais e coloque um link bem visível que abra um PDF (do site do fabricante por exemplo) com todas as informações detalhadas.
Mas é importante, aliás muito importante que se coloque sempre o máximo de informações possíveis no campo de descrição do produto, por três motivos. Evita-se que o cliente vá procurar informações em site de concorrente e compre por lá, o consumidor entende que você conhece o produto e isso gera confiança, o google gosta de páginas com bastante texto.

DICAS:
2.3.1 - Todas as páginas dos produtos devem possuir o mesmo padrão de fonte nas descrições, cuidado ao copiar e colar de outro sites.
2.3.2 - Utilize se possível o recurso de zoom nas fotos e o máximo de fotos possíveis do produto
2.3.3 - Se possível coloque um vídeo do produto

DIVULGAÇÃO:

Divulgar é sempre necessário. Sempre faço a seguinte analogia para os meus clientes, imagine uma loja física, linda e maravilhosa, com produtos ótimos, mas sem nenhuma placa na rua que a identifique, que não faça nenhuma divulgação, com certeza a loja fechará por falta de compras/clientes.
O mesmo ocorre com a loja virtual, sem divulgação nenhuma loja virtual terá clientes e muito menos vendas. Existem várias formas de divulgar uma loja virtual, embora não exista uma receita que funciona para qualquer segmento, alguns meios de divulgação como Google Adwords, comparadores de preço e mail marketing sem dão algum resultado positivo.

Para se acompanhar os resultados de divulgação e se ter métricas de comparação, a Loja Mestre, recomenda que o lojista instale o Google Analytics, que permite um acompanhamento detalhado e eficaz das visitações em sua loja virtual.
Mais sobre divulgação clique aqui.

DICAS:
1 - Fique atento a Taxa de conversão. Taxa de conversão basicamente é o número de visitantes em seu site, por venda realizada. Exemplo: a cada 100 visitas você tem uma venda, logo sua taxa de conversão é de 100:1.
2 - O mínimo de visitas diárias que uma loja deve ter é em torno de 300 visitas. Menos que isso invista mais em divulgação
3 - Se você tem um bom número de visitas mas tem poucas vendas, ou seja, sua taxa de conversão está muito ruim, por exemplo 300:1, observe que você deve ter algum problema em sua loja (pode ser preço ou formas de pagamento) ou você deve estar tendo tráfego não qualificado. Pode ser que sua divulgação não esteja atraindo o público alvo adequado para seus produtos. Tente alterar a divulgação.
4 - Fique sempre atento aos concorrentes, mas evite entrar em guerras de preço. Se sua loja virtual é agradável, transmite confiança, possui informações detalhadas do produto, formas de pagamento interessantes, não é por alguns reais que o consumidor vai comprar em outra loja. Entrando na guerra de preços você só tem a perder. 5 - Confiança, sua loja transmite confiança ao consumidor? Lojas especializadas em determinado segmento levam muita vantagem nesse sentido.

Não faça pouco caso do planejamento

O brasileiro é um empreendedor por natureza. Mas os altos números e estatísticas de empresas que não chegam aos 2 anos de vida (ultrapassam 70%) denunciam claramente a falta de planejamento sério.

Na hora de fazer o planejamento não seja otimista, seja REALISTA ou até pessimista. Problemas sempre surgem no meio do caminho, crises economicas, crises politicas, greves, etc. Então não se pode jamais achar que tudo será lindo e maravilhoso. Esteja preparado para dificuldades.